Kia XCeed PHEV: crossover ecológico chega a Portugal com versão “First Edition” para particulares e empresas

Top Page Xceed Hybride Rechargeable Offre Commerciale W

  • Nova versão plug-in alia a tecnologia eletrificada ao estilo crossover
  • Sistema de propulsão híbrida plug-in combina a bateria de 8,9 kWh e o motor elétrico de 44,5 kW com o 1,6 litros a gasolina, debitando 141 cv e 265 Nm
  • Autonomia em modo exclusivamente elétrico de até 59 km em ciclo urbano WLTP
  • Maior eficácia do modo elétrico graças à tecnologia de aproveitamento da energia cinética
  • Novas funcionalidades e equipamentos interiores, incluindo telemática para localização de pontos de carregamento nas proximidades
  • Já disponível em Portugal na versão de estreia “First Edition”, com preço promocional de 34 490 euros
  • “First Edition” disponível também para empresas por 27 490 euros + IVA

 

É mais um passo fundamental na estratégia de eletrificação da Kia em Portugal: a marca acaba introduzir no mercado a versão híbrida plug-in do crossover Kia XCeed, uma opção que combina a sustentabilidade ambiental com o estilo, a versatilidade e o prazer de condução. A estreia perante o grande público irá acontecer já este fim-de-semana, no Encontro Nacional de Veículos Elétricos – ENVE 2020, em Lisboa, onde estará disponível para test-drives.

Com uma autonomia em modo elétrico de até 59 km (urbano WLTP), o Kia XCeed PHEV chega ao mercado nacional com uma versão de lançamento denominada “First Edition”, limitada a 100 unidades e com preço promocional de 34 490 euros, para clientes particulares. Destaca-se, igualmente, a campanha especial para empresas por 27 490 euros + IVA, com o atrativo suplementar do escalão mínimo de tributação autónoma de 5%.

O XCeed PHEV “First Edition” alinha pelas versões de topo de equipamento oferecendo, de série, dotações como Rádio e Sistema Navegação com monitor tátil de 10,25´´ (compativel com Android Auto e CarPlay), painel de instrumentos digital SuperVision com ecrã de 12,3”, carregador de smartphone por indução, porta-bagagens inteligente, faróis full led, luzes de máximos automáticas, câmara de estacionamento traseira, chave inteligente (acesso hands free), a par de equipamentos de segurança ativa, como assistente de manutenção na faixa de rodagem, alerta de colisão frontal, entre outros.

O Kia XCeed PHEV mantém intacto o conceito de crossover utility vehicle (CUV), que combina o carácter prático de um SUV compacto com a arquitetura desportiva e a condução envolvente de um hatchback. É um crossover de mérito próprio, tendo sido concebido como um projeto autónomo dentro da gama CEED – e esse é um dos fatores que o torna único no mercado. Os sinais de exclusividade são claros e demarcam este verdadeiro CUV de outras propostas cuja diferenciação se resume a detalhes estéticos: a carroçaria estilo coupé foi desenvolvida de raiz – apenas as portas dianteiras são herdadas das versões Hatchback e SW – ao mesmo tempo que a sua distância ao solo o coloca ao nível de muitos SUV e lhe confere real versatilidade. Entre os sinais do cuidado especial da Kia com este modelo conta-se igualmente a suspensão, com uma afinação exclusiva e batentes hidráulicos na dianteira, que permitem melhor absorção das irregularidades e, assim, maior conforto em pisos mais degradados, características que se mantêm nas unidades PHEV.

A chegada da versão híbrida plug-in assinala o cumprimento de mais uma etapa na estratégia de eletrificação que a Kia Motors pretende aplicar aos seus veículos.

João Seabra, diretor-geral da Kia Portugal, comenta: “A Kia é já uma das marcas com a maior gama ecológica em Portugal e a chegada do XCeed PHEV vem dar um impulso decisivo a esta estratégia, uma vez que combina todos os benefícios da tecnologia plug-in híbrida com o estilo de um suv compacto, e que já lhe mereceu vários prémios nacionais e internacionais”. O Kia XCeed, recorde-se foi considerado “SUV Compacto do Ano” em Portugal, no âmbito do Troféu Volante de Cristal, a mais abrangente eleição do género realizada no nosso país.

“É uma proposta única, quer para particulares que procuram uma alternativa ao diesel ou gasolina convencionais, quer para as empresas que procuram maior eficiência da sua frota, e revela a aposta da Kia num futuro que prevemos auspicioso. Recordo que a Kia registou, no primeiro semestre deste ano, as melhores vendas de sempre em veículos híbridos e elétricos em Portugal, apesar da desaceleração global do mercado. Refletindo a robusta oferta da marca em diesel semi-híbridos (MHEV), híbridos (HEV), híbridos plug-in (PHEV) e veículos elétricos (VE), uma em cada quatro vendas da Kia no nosso país recaiu precisamente nas motorizações eletrificadas”, sublinhou João Seabra.

 

Motorizações e transmissões

Energia plug-in, com baixas emissões e possibilidade de condução em modo exclusivamente elétrico

O novo XCeed híbrido plug-in constitui uma esperada alternativa aos motores convencionais a gasolina e diesel. O novo sistema de propulsão combina a bateria de polímero de iões de lítio de 8,9 kWh com um motor elétrico de 44,5 kW e um económico motor de combustão de 1,6 litros “Kappa” de 4 cilindros GDI (injeção direta de gasolina). Estes elementos garantem uma potência e um binário totais de 141 cv e 265 Nm, respetivamente, e permitem ao XCeed PHEV acelerar dos 0 aos 100 km/h em 11 segundos.

O sistema de propulsão é acompanhado por uma caixa de 6 velocidades de dupla embraiagem (6DCT), que possibilita ao condutor engrenar as mudanças, assegurando-lhe assim uma experiência de condução mais agradável do que outros veículos híbridos equipados com caixas de velocidades de transmissão eletrónica de variação contínua (e-CVT). Ao contrário dos híbridos com e-CVT convencionais, que convertem uma parte da potência oriunda do motor de combustão através do motor elétrico (o que resulta em perdas de potência devido à transformação da energia), o híbrido da Kia equipado com 6DCT permite a transferência da totalidade da potência de ambos os motores em paralelo, através da transmissão, com perdas mínimas de energia.

A tecnologia de travagem regenerativa, de série, permite a este híbrido plug-in recolher a energia cinética e recarregar a bateria durante a marcha por inércia ou travagem, aumentando assim ainda mais a economia de combustível proporcionada pelo seu sistema de propulsão.

Em autonomia com zero emissões, ou seja, no modo exclusivamente elétrico, os condutores podem contar com 59 km (ciclo urbano WLTP), permitindo assim realizar viagens quotidianas sem recorrer ao motor de combustão.

O XCeed PHEV está equipado com o Sistema de Som Virtual do Motor, que emite um som com um volume até 59 dBA quando em modo elétrico (a velocidades baixas ou em marcha-atrás), alertando assim os peões para a sua presença.

 

Conforto e condução

Concebido para as estradas europeias, ao gosto dos clientes europeus

Tal como os seus “irmãos” a gasolina e diesel, a versão híbrida plug-in do XCeed foi concebida para as estradas europeias e segundo as preferências dos clientes deste mercado. O aperfeiçoamento das características de conforto em movimento e de condução permite-lhe superiorizar-se às versões anteriores em dinamismo e envolvimento do condutor.

O sistema de suspensão, totalmente independente, oferece respostas mais ágeis e imediatas à direção. Ao mesmo tempo, o conforto a bordo foi desenvolvido em diversos tipos de piso, garantindo não só viagens cómodas, mas também uma grande previsibilidade em curva e estabilidade a alta velocidade. A suspensão e a direção sofreram uma ligeira adaptação, de forma a manter as mesmas características de condução, apesar da diferente distribuição de peso.

A tecnologia aumenta o prazer de condução e a segurança, pelo que o equipamento de série inclui o Controlo Eletrónico de Estabilidade (ESC) e o sistema de Gestão da Estabilidade do Veículo (VSM) da Kia, bem como a Vetorização de Binário por Travagem, que trava automaticamente as rodas interiores para diminuir a subviragem.

 

Design exterior e interior

Design remodelado e novas funcionalidades e equipamentos interiores para os modelos híbridos plug-in

O XCeed PHEV apresenta elementos de design próprios, de que se destaca a recém-criada grelha dianteira “nariz de tigre” fechada, que contribui para a maior eficiência aerodinâmica, bem como emblemas exteriores com a indicação “eco plug-in”. Esta versão do XCeed beneficia também do para-choques das versões GT-Line, que acentua o aerodinamismo e aspeto desportivo. A tomada de carregamento está integrada no guarda-lamas dianteiro esquerdo.

No interior, o design desportivo mantém o tablier orientado para o condutor, a posição baixa dos bancos e a ergonomia que encontramos em toda a gama Ceed. No entanto, surgem agora novas funcionalidades, que favorecem os condutores que procuram tirar o máximo partido do novo sistema de propulsão.

Nestas novas dotações destaca-se o indicador de carregamento, situado na parte superior do tablier, que permite ao condutor verificar o estado de carregamento a partir do exterior, por exemplo, quando o veículo está estacionado à porta de casa.

O XCeed PHEV First Edition surge equipado de série com um ecrã tátil de 10,25 polegadas para o infotainment e para o sistema de navegação. Criado especificamente para os novos modelos híbridos plug-in, este sistema de visualização incorpora novas funcionalidades, para ajudar os condutores a localizar pontos de carregamento nas suas proximidades, ou no percurso até ao seu destino. O ecrã também pode mostrar informações relevantes sobre o sistema de propulsão, como o nível de carga restante na bateria e gráficos de utilização de energia. Os utilizadores podem ainda usar o ecrã tátil para marcar as horas a que o seu veículo deve carregar quando ligado à tomada doméstica, o que lhes permite tirar partido do período em que o preço da energia é mais baixo. O sistema de infotainment está equipado de série com Apple CarPlay e Android Auto, assim como multiligações Bluetooth, que oferecem aos ocupantes a possibilidade de ligar dois dispositivos móveis em simultâneo.

O painel de instrumentos conta com elementos de visualização desenvolvidos em exclusivo para os sistemas de propulsão híbridos plug-in da Kia, e que permitem ver, por exemplo, o nível da carga restante, a autonomia prevista em modo exclusivamente elétrico e o fluxo de energia entre o conjunto da bateria, o motor de combustão e o motor elétrico. O novo e totalmente digital painel de instrumentos “Supervision” da Kia, de 12,3 polegadas, foi concebido para fornecer informações tão claras quanto possível, graças a um vasto conjunto de ecrãs gráficos. De alta resolução, com 1920 x 720 pixéis, o “Supervision” consiste num só mostrador sem interferências visuais, que substitui os mostradores do velocímetro e do conta-rotações convencionais que atualmente encontramos nos veículos de passageiros da Kia.

O sistema de aquecimento, ventilação e ar condicionado “Driver Only” (ativado através de um novo botão no tablier) desativa instantaneamente a distribuição de ar para todas as saídas, exceto a que está mais próxima do condutor. Concebido para diminuir a retirada de energia da bateria por parte do sistema de ventilação, mantém ao mesmo tempo o condutor à temperatura desejada. Contrariamente aos sistemas de ventilação convencionais, o sistema “Driver Only” da Kia não restringe o direcionamento do ar para certas saídas, reencaminhando-o para outras. Em vez disso, desliga as próprias ventoinhas, reduzindo assim a utilização da energia na fonte.

 

 

Organização do espaço interior

Disposição inteligente do sistema propulsor e facilidade de utilização no quotidiano

A gama de modelos Ceed foi desenvolvida de raiz para albergar novos sistemas propulsores híbridos. Isto significa que a adoção de um sistema híbrido plug-in no XCeed teve um efeito mínimo na organização do respetivo espaço, uma vez que toda a sua estrutura foi concebida no sentido de albergar o conjunto da bateria do grupo motopropulsor.

Com os seus 8,9 kWh, as baterias encontram-se sob o banco traseiro, contrariamente àquilo que acontece em muitos outros veículos híbridos plug-in, nos quais o conjunto da bateria acaba por ocupar um espaço de carga precioso. Na sua versão híbrida plug-in, o XCeed oferece, assim, um espaço de bagageira de 291 litros, que pode aumentar até aos 1243 litros com os bancos traseiros rebatidos. Além da bagageira e dos espaços de arrumação, existe um compartimento dedicado sob o piso da bagageira de cada um destes modelos destinado à arrumação do cabo de carregamento quando este não estiver a ser utilizado.

 

Garantia e produção

Construído na Europa, para o mercado europeu

O novo XCeed híbrido plug-in é produzido juntamente com os seus “irmãos” da gama Ceed, na fábrica europeia da Kia, em Zilina, Eslováquia.

Criado exclusivamente para a Europa, este híbrido plug-in iniciou agora a sua comercialização, usufruindo de série da garantia de 7 anos ou 150 000 km que só a Kia oferece.

 

Sobre a Kia Motors Europe

A Kia Motors Europe é o ramo europeu de vendas, marketing e após-venda da Kia Motors Corporation. Com sede em Frankfurt, na Alemanha, é responsável por 39 mercados na Europa e no Cáucaso.

 

Sobre a Kia Motors Corporation

A Kia Motors (www.kia.com) é um fabricante de automóveis de qualidade mundial para os jovens de espírito.

Fundada em 1944, vende hoje cerca de 3 milhões de viaturas por ano em mais de 190 países, contando com 52 000 colaboradores à escala mundial e alcançando lucros anuais superiores a 58 biliões de KRW (cerca de 50 mil milhões de USD). A sua produção reparte-se por unidades fabris localizadas em seis países. Atualmente, a Kia lidera a transição para os automóveis elétricos e investe nos serviços de mobilidade, ajudando assim a enfrentar os desafios que se colocam à condução nos meios urbanos de todo o mundo. O slogan da Kia Motors Corporation – “The Power to Surprise” – representa o empenho global da empresa em surpreender o mundo através de experiências emocionantes e inspiradoras, que superam as expectativas. 

Para mais informações, visite o Kia Motors Global Media Center, em www.kianewscenter.com.

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin